Seguidores

sexta-feira, 26 de junho de 2009

A CHAVE PARA AS REALIZAÇÕES NO MUNDO FÍSICO




A alma humana não se contenta com uma vida de acordar e dormir, trabalhar e divertir-se, comer e beber. É pelo sentimento de ser útil que ela se realiza.

O ser humano na Terra vive preso aos conceitos de tridimensionalidade, de tempo e espaço físico e não imagina as realidades diversas que encontra fora desses parâmetros rígidos em que se desenvolve a consciência na Terra. Não há consciência cósmica no sentido de revelar as grandezas do Universo, não há nada que se pareça com a vida plena e abundante que experimentamos em outros níveis de consciência.

É preciso que comecem a vislumbrar essas realidades distintas, aceitá-las para que elas possam fazer parte de sua vida, ou melhor, vocês possam fazer parte delas. A aceitação desse fato real é a primeira condição para vivenciar tudo isso plenamente. Há muitos prejuízos em ficarem atados a essa concepção de realidade estreita que têm aqui na Terra, como por exemplo não vislumbrar os seres de outras dimensões, não vislumbrar outros ambientes e realidades além da sua mesma. Como podem conseguir ajuda se não aceitam a existência de outras dimensões onde tudo já foi resolvido, pelo menos no nível de problemas que existem aqui na Terra? Como podem oferecer ajuda a outros seres se nem para vocês mesmos conseguiram as respostas de que precisam? Tudo isso precisa ser questionado e medido.

A humanidade do Terceiro Milênio tem de experimentar mudanças e realmente modificar-se muito a partir do que é hoje, experimentar novas situações, conhecer novos horizontes, instalar novos parâmetros de consciência em sua mente consciente. Não acreditamos que seja possível operar grandes mudanças na Terra, as mudanças de que vocês precisam, sem essa consciência. Estamos procurando ajudá-los nisso, irradiando as energias dessa consciência a vocês e tentando auxiliá-los no processo. As energias da nova consciência trarão um alento para a vida de vocês, uma nova compreensão do futuro, do passado e do presente na tridimensionalidae.

Viver o presente - Os tempos não existem, são uma convenção que serve à evolução da vida no seu planeta, e é extremamente difícil, eu sei, situar-se fora disso. Mas um bom começo e treino é procurar viver no presente, o agora, sem preocupar-se com o futuro ou lamentar-se pelo passado, sem alimentar nostalgismos, sem se arrepender pelo que fizeram ou deixaram de fazer. As experiências são vocês que criam a todo momento, e, se estiverem ligados no passado, estarão de alguma forma recriando coisas passadas, prendendo-se assim no continuum de tempo que tolhe e limita a evolução de vocês.

Não alimentem culpas e arrependimentos pelo passado, simplesmente partam para outra convictos de estar escolhendo o melhor, de que desta vez será melhor e trará melhores resultados para vocês. A consciência dos erros cometidos e das situações desagradáveis se incorpora ao viver de vocês; deixem que isso apenas norteie as escolhas futuras, não fiquem remetendo sua mente ao passado a todo instante, libertem-se dos erros e experiências infelizes. O que passou passou e vocês adquiriram o aprendizado necessário para não repetir situações desagradáveis novamente.

Essa mecânica de se relacionar com o passado é um avanço, um salto evolutivo que precisam dar em sua vida, pois ela permite construir um futuro livre das influências do continuum espaço-tempo em que vivem suas consciências. Libertem-se disso e aprendam a vislumbrar o futuro como realidade presente, como se já tivessem tudo de que precisam, como se tudo estivesse aqui e estará, porque é sua ordem para o Universo, é o seu desejo em manifestação. Vocês têm o costume de dizer quando eu fizer isso, quando eu tiver não sei o que, e adiam para um futuro indeterminado a consecução de seus planos. Pois se agirem como se tudo já estivesse concretizado - porque está a partir do momento em que pensam nisso - verão como as coisas se manifestam mais positivamente na vida de vocês.

O truque, o segredo é dar tudo como resolvido, como criado, como estabelecido e existente. A casa nova, imaginem-na pronta, ou comprada, vocês morando nela e experimentando toda felicidade e prazer que isso lhes trará. O projeto do trabalho, visualizem-no pronto, folheiem-no como se já estivesse fisicamente em suas mãos. As coisas todas que desejam, visualizem-nas criativamente, declarando ao Universo a realidade da manifestação delas. Isso é viver no presente, é colocar-se numa situação em que tudo de que eu preciso já existe, é real.

Postergar seus desejos, projetar tudo no condicional só vai arrastar ainda mais para a frente aquilo de que precisam. Com esse simples truque - que chamamos de truque porque na realidade é um macete para vocês, uma forma diferente de fazer as coisas -, verão como elas se manifestam mais

concretamente em sua vida. Isso é viver no presente, o presente abundante, o presente de todas as realidades manifestadas, o presente de todas as possibilidades, de todas as portas abertas, de todas as chances de tudo acontecer.

Ser independente dos outros - Deixar o presente fluir. Cada momento é um nó de energias que se combinam, interpenetram e levam a outras realidades. É tão maravilhoso e complexo contemplar como as coisas acontecem na vida. Se isso pudesse ser desenhado, seriam realmente nós, feixes de energia se cruzando e criando situações a cada momento. É realmente maravilhoso. Vocês podem participar e assumir o controle, se é que se pode dizer assim, desses feixes que se cruzam nos momentos de sua vida e conduzir essa história como desejam, desde que suas escolhas não interfiram com o livre arbítrio dos outros.

Muitas de suas escolhas implicam nas escolhas dos outros, em invadir o que eles querem para sua própria vida. Por isso também é que não dá certo, e a partir do momento em que suas escolhas não dependerem de os outros fazerem isso ou aquilo, serem isso ou aquilo, as coisas darão muito mais certo na vida, pois na verdade a sua vida depende só de você. Deixe que o outro escolha o caminho dele, deixe que faça as opções dele, que ele seja como quiser ser. Não tente interferir nisso, não condicione sua felicidade às escolhas dos outros pois isso torna tudo mais difícil para vocês. O que acontece muito aqui na Terra é que as pessoas condicionam a sua felicidade à concordância dos outros, a se fulano for assim, se fizer isso, se me quiser. Não se pode dirigir a vida alheia, apenas a sua.

Deixe que o universo arranje e combine os cruzamentos entre as pessoas, isso é tarefa para uma inteligência muito acima do que podem conceber. É tão bonito contemplar a maneira perfeita e amorosa como a Inteligência que Governa o Universo arranja as vidas de vocês harmoniosamente no sentido de promoverem uns aos outros as experiências necessárias ao seu crescimento. É muito belo e comovente observar isso, e ter essa visão benevolente para com a vida lhes traria uma compreensão ainda maior das coisas. Pena que ficam muitas vezes se lamentando das situações da vida, não conseguem aproveitar desse modo a riqueza que elas têm a oferecer.

Fiquem em paz, meus filhos, fiquem com Deus.


Áprica

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...