Seguidores

domingo, 30 de agosto de 2009

UM ENSINAMENTO SOBRE PRÁTICAS ESPIRITUAIS - O Grande Diretor Divino



Mensagem do GRANDE DIRETOR DIVINO -
por Tatyana Mikushina -
04 de Julho de 2009 -


EU SOU o Grande Diretor Divino.

Uma das razões de minha vinda a vocês hoje é dar-lhes informação concernente ao trabalho do Conselho Kármico. Nós completamos nosso trabalho. Tanto o resultado de nosso trabalho como as decisões tomadas por nós cobrem o período até o próximo solstício – o solstício de inverno.

Não guardarei segredo que nosso trabalho não foi fácil. E como sempre, estivemos balançando na beira do abismo. E nosso desejo de dar uma oportunidade a tantas almas quantas possível de ter mais uma oportunidade e tempo de fazer uma escolha e uma decisão foi levado em conta pelo Grande Sol Central. Eis porque estou satisfeito com o progresso do trabalho e com as decisões adotadas.

Com vistas a seu trabalho espiritual e suas direções de atividade, eu os aconselharia a pensar mais sobre o fato que não resta muito tempo. E os esforços de cada humano são necessários como nunca antes, já que às vezes a situação se desenvolve de tal modo que um bom trabalho de equipe de só uns poucos portadores de luz é bastante para a preponderância de forças ser alcançada no lado do prolongamento da oportunidade evolutiva.

Muitos de vocês, muitos, muitos de vocês pensam no que poderiam fazer para se tornarem úteis para o planeta e para todas as criaturas vivas existentes nele. Às vezes vocês empreendem práticas meditativas, às vezes práticas de prece e de modo extremamente raro tentam fazer algo no plano físico. E devo dizer-lhes que quaisquer de suas ações e quaisquer de suas práticas no mundo dual podem ter um caráter dual. E dois indivíduos fazendo exatamente o mesmo trabalho e executanto exatamente as mesmas ações podem estar trabalhando para forças diferentes.

“Como isto pode ser possível?” vocês me perguntarão. E eu responderei. O vetor, a aspiração, o motivo que jaz no começo de seu trabalho ou prática determina para o benefício de que forças todas as suas ações e esforços serão dirigidos.

Eu lhes darei um exemplo concreto de sua vida. Vocês estão tentando praticar meditação. Sabem ou leram que é um trabalho muito útil. E estão tentando meditar. Meditações podem ser completamente diferentes. E algumas meditações tocam somente na área do plano mental. E esta é a espécie de meditações que deve ser empreendida com extremo cuidado, porquê o plano mental está próximo do plano terreno. E qualquer desvio de seus pensamentos na direção negativa durante a meditação ou antes do começo da meditação leva a um efeito diretamente oposto.

Por exemplo, vocês desejam trabalhar com seu pensamento para o benefício de todas as criaturas vivas, e se esforçam para elevar seu pensamento e dirigi-lo para o bem. Mas nesse momento algum problema que existe em sua família ou no trabalho vem a sua mente. Seu pensamento se extravia do tema predeterminado da meditação pela espessura de um fio de cabelo. Vocês nem mesmo notam isso. Entretanto, vocês misturaram seu estado negativo ao curso da meditação. E se muitas pessoas tomam parte nesta meditação – dezenas, centenas ou talvez milhares de pessoas – e cada uma delas introduz seu momento negativo no curso comum da meditação, pode acontecer que o curso inteiro da meditação tomará uma direção diretamente oposta e o resultado dela será diretamente oposto ao resultado que vocês esperam.

Sabemos que tal coisa é possível e acontece frequentemente. Eis porque abordamos meditações coletivas com extremo cuidado e de modo extremamente raro lhes pedimos para empreendê-las. A força do pensamento e a aspiração de pensamento para a maioria das pessoas não são seus pontos fortes. Eis porque meditações, mesmo se não são sustidas no estado de consciência requerido, não podem exercer uma grande influência negativa, mas vocês devem aprender a abordar tudo muito conscientemente. E especialmente agora quando os mundos se aproximam um do outro.

Suas práticas espirituais podem fazer tanto dano quanto bem. Tudo depende do estado em que vocês começam suas práticas espirituais.

E devo mencionar também que por maldirigir sua energia durante a prática espiritual vocês criam o mesmo tipo de karma quanto por executar qualquer ação errada no plano físico.

Sim, amados, chegou o tempo de vocês pensarem antes de enviar uma prece: não estão criando karma com esta prece?

O correto estado de consciência durante a prece e a correta sintonia durante a prece são elementos muito essenciais. As palavras da prece que usam também são muito importantes. Estejam conscientes das palavras da prece. E se não compreendem sobre o que é esta prece, não podem dirigir a energia da prece acuradamente.

Existe uma prática de ler mantras. É uma prática especial. E, como regra, vocês não entendem o sentido e o significado dos mantras. E são os próprios sons vocais do mantra que fazem impacto. Entretanto, aqui também vocês estão rodeados de perigos, porque se pronunciam mantras incorretamente, o efeito de sua prática de ler mantras também pode ser negativo.

Este Ensinamento lhes está sendo dado agora com a esperança de que usarão práticas e técnicas espirituais mais cuidadosamente. E se mesmo as práticas espirituais comprovadas podem fazer um impacto negativo, então que espécie de impacto podem fazer aquelas práticas que vocês mesmos inventam e disseminam? Se uma prática espiritual oferecida por vocês for incorreta do ponto de vista Divino e vocês tiverem disseminado esta prática entre um bom número de pessoas, o karma criado como resultado do uso de sua prática por estas pessoas cairá inteiramente sobre seus ombros.

Eis porque eu os preveniria contra mostrar larga iniciativa, especialmente em mídia massiva, em relação à introdução de novas práticas e técnicas. Não é por acidente que em tempos antigos todas as práticas e técnicas espirituais foram disseminadas por meio de sucessão discipular e o Instrutor mantinha estrita vigilância sobre como uma prática espiritual era seguida por seus discípulos.

Vocês pensam que atingiram consideráveis alturas em desenvolvimento espiritual e podem por si mesmos ensinar e pregar. Bem, ninguém, incluindo eu mesmo, pode proibi-los de fazê-lo. Mas somos obrigados a dar o Ensinamento sobre práticas espirituais. Vocês podem usar este Ensinamento em suas vidas ou não. Entretanto, espero muito que muitos de vocês serão muito cuidadosos ao empreender práticas espirituais, especialmente aquelas dentre as modernas.

Eu os preveni e lhes mostrei a direção correta em seu Caminho.

EU SOU o Grande Diretor Divino.


¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

© Mensageira: Tatyana Mikushina

http://sirius-ru.net/index.htm

Tradutora: Svetlana Nekrasova

http://sirius-eng.net/dictations.html

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...